O fogo do Espírito no coração dos formadores agostinianos recoletos

A Escola de Formação concluiu a primeira de suas três semanas no Deserto da Candelária (Colômbia). Até o dia 17 de fevereiro, cerca de trinta formadores agostinianos recoletos refletirão e marcarão as diretrizes a serem seguidas na formação da Ordem dos Agostinianos Recoletos

A Escola de Formação que a Ordem dos Agostinianos Recoletos planejou para formar companheiros e treinadores já começou e faz isso de dentro do próprio carisma. No dia 28 de janeiro, os formadores das quatro províncias da Ordem reuniram-se no Deserto de La Candelaria (Colômbia) para participar nestes dias, promovidos e organizados pelo Secretariado Geral de Espiritualidade e Formação, que durará três semanas.

Esta é uma iniciativa inédita que reúne pela primeira vez 35 formadores Agostinianos Recoletos até 17 de Fevereiro, com o objectivo de consolidar a tarefa fundamental que lhes foi confiada e sonhar da melhor maneira como verdadeiros companheiros.

Para isso, o Prior Geral, Miguel Miró, convidou-o, em sua saudação e sua mensagem, ponto de partida da reflexão. “Vamos sonhar juntos uma formação na Ordem que marque o coração, que tatuar o coração com o fogo do Espírito”, disse ele em uma mensagem gravada.

Decididos a esclarecer seu serviço, durante a primeira semana de reunião os formadores identificaram naquele incêndio os traços carismáticos que não podem faltar na nova proposta agostiniana recoleta de um itinerário formativo. Símbolo deste é o lema escolhido – “In imum cordis”: Para a parte mais profunda do coração – e o logotipo, com um coração ardente. A partir desta profundidade, o que trouxe a escola, eles se sentiram chamados estes dias a ser peregrinos, juntamente com outros peregrinos, capazes de entrar em sintonia com os corações daqueles que acompanhou susceptíveis de ser afectadas e envolvidas em suas vidas , sem medo de gerar links, convencido de que é essa relação que cura e que ajuda ao longo do caminho.

E após o encerramento do trabalho duro na primeira semana, eles celebraram o Dia da Vida Consagrada e Nossa Senhora da Candelária, próximo à paróquia del Desierto de la Candelaria, lugar agradável e histórica para a Ordem. Não teria sido possível coroar melhor toda a riqueza gerada e compartilhada nesta primeira semana.

This post is also available in/Este conteúdo está disponível em Português: Español English

Suscríbete a nuestra

Newsletter