Os quatro noviciados da Ordem ajudam a discernir a vocação agostiniano recoleta de seus 33 candidatos

O ingresso na Ordem dos Agostinianos Recoletos se faz pela profissão dos conselhos evangélicos de pobreza, castidade e obediência segundo o propósito e a Regra de santo Agostinho e as Constituições da Ordem. Antes da profissão o postulante precisa fazer o noviciado.

Conhece-se como noviciado a etapa do itinerário formativo em que o candidato, que fez previamente o discernimento de sua vocação no postulado, durante um ano experimenta a vida fraterna em comunidade, busca conhecer melhor sua vocação e configura sua mente e seu coração com o espírito da Ordem. O noviciado tem que “penetrar no profundo da consciência do noviço e marcar sua existência”. Também é uma finalidade própria do noviciado que o mestre de noviços e a equipe de formação, como representantes da Ordem, discirnam e comprovem a reta intenção e idoneidade dos noviços antes de aceitá-los à profissão (cf. Constituições 206-209).

A formação que se inicia no noviciado continua ao longo de toda a vida do religioso. A formação é um itinerário de progressiva assimilação dos sentimentos de Cristo pelo Pai e, portanto, deve abarcar a pessoa toda, de tal modo que toda atitude e todo comportamento manifestem a plena e feliz pertença a Deus (cf. Vita consecrata 65).

Quatro noviciados

Na Ordem atualmente há quatro noviciados:



Monteagudo (Navarra, Espanha).
– Monteagudo (Navarra, Espanha), com os noviços das províncias de São Nicolau de Tolentino, Santo Agostinho, São José e Nossa Senhora da Consolação. Atualmente há 14 noviços (1 mexicano, 3 chineses, 1 brasileiro, 3 peruanos, 1 venezuelano, 2 guatemaltecos e 3 dominicanos).



O Deserto da Candelária (Ráquira Bocayá, Colombia).
– O Deserto da Candelária (Ráquira, Boyacá, Colômbia), com os noviços das províncias de Nossa Senhora da Candelária e Santa Rita. Atualmente há 4 noviços (2 colombianos e 2 brasileiros).



Monachil (Granada, Espanha).
– Monachil (Granada, Espanha), com os noviços de Santo Tomás de Vilanova. Atualmente há 7 noviços, sendo 5 argentinos e 2 brasileiros.



Antipolo (Rizal, Filipinas).
– Antipolo (Rizal, Filipinas), com os noviços de Santo Ezequiel Moreno. Atualmente há 7 noviços, todos filipinos.