Aprender y enseñar a dar a los demás

“Dê o que você tem para receber o que você precisa” é o lema da Rede Educacional Internacional da EDUCAR para o ano acadêmico de 2019-2020. O lema é inspirado em uma citação de Santo Agostinho que aparece no Semon 350B e reforça o valor agostiniano da justiça solidária.

De acordo com as diretrizes para o ano 2020, a Ordem dos Agostinianos Recoletos se concentrará no tema “Somos profetas do Reino: pobres, projetos sociais e periferias”. Para tornar essa idéia mais acessível na realidade educacional, a Rede Educacional Internacional Agustino Recoleta EDUCAR escolheu o lema agostiniano para o curso 2019-2020: “Dê o que você tem para receber o que precisa”. O lema é inspirado em uma citação de Santo Agostinho que aparece no Semon 350B.

O lema educacional começará a ser implementado em todos os centros educacionais da família agostiniana Recoleta do mundo. Primeiro, nas escolas da Europa – que iniciam um novo curso este mês – e depois nos centros agostinianos recoletos da América e Ásia.

A EDUCAR explica esse lema da seguinte forma: “Todos nós recebemos diversos presentes em diferentes facetas de nossa vida, e devemos ser gratos por eles, valorizá-los e desenvolvê-los para o bem comum. O maior presente que recebemos é o da vida. É importante cuidar disso, tirar vantagem disso e tornar-se um presente, como um presente para os outros. Há muito mais alegria em dar do que em receber: quando damos nosso tempo, quando oferecemos nossos dons, é quando realmente nos realizamos, porque os seres humanos se desenvolvem dando a si mesmos para outros. A injustiça em nosso mundo significa que muitos têm muito pouco e muito poucos têm. Na nossa mão está que essa desigualdade é cada vez menor. Somos chamados a transformar nossa realidade “.

O Projeto Educacional Institucional da Ordem dos Agostinianos Recoletos apresenta os valores agostinianos que devem estar presentes nos centros educacionais, e a cada ano o objetivo pedagógico se concentra em um deles. De acordo com o lema deste ano acadêmico, o valor que a EDUCAR propõe durante este ano será o da justiça solidária. Diante do desafio da exclusão social, da injustiça e da proliferação de uma cultura da morte, a justiça solidária tende a forjar as pessoas que vencem na conscientização da interdependência entre homens e nações. Expressa-se na misericórdia, na defesa pública dos valores negados, na opção pelos excluídos e na estima da interculturalidade.

Juntamente com o lema educacional e o objetivo pedagógico, foi elaborado um vídeo que explica de maneira mais completa e atraente a frase “Dê o que você tem para receber o que falta” e o que ele carrega. Da mesma forma, nas redes sociais, os centros educacionais usarão a hashtag #transformAR e a imagem projetada para divulgar o tema deste curso.

This post is also available in/Este conteúdo está disponível em Português: Español English

Suscríbete a nuestra

Newsletter