O programa de TV “Comando Actualidad” da TVE visita os Mosteiros de Yuso e Suso

O programa “Commando Actualidad” da TVE visita os Mosteiros de Yuso e Suso em San Millán de la Cogolla, onde participaram os frades da Ordem dos Agostinianos Recoletos presentes, assim como em todo o vale, desde 1878.

Os dois mosteiros de Yuso e Suso celebraram recentemente 20 anos desde que foram declarados Património Mundial pela UNESCO em 4 de Dezembro de 1997 por razões históricas, artísticas, religiosas, linguísticas e literárias.

Eles são conhecidos por ser “o berço do castelhano”, porque nas paredes deste mosteiro foi onde mais de mil anos atrás, os monges escreveram as primeiras palavras no romance: uma linguagem que, evoluiu, hoje conhecemos como castelhano ou espanhol.

A comunidade OAR dos Mosteiros de Yuso e Suso
A partir de 1878 uma comunidade de frades da Ordem dos agostinianos recoletos assiste aos mosteiros, bem como as necessidades pastorais e espirituais das cidades do vale. Atualmente, a comunidade é composta por 8 frades do OAR. Esta comunidade de frades, como as outras comunidades da Ordem no mundo, dedicam suas vidas à oração e ao trabalho e concretamente nos Mosteiros de Yuso, além disso, investigam na biblioteca e arquivam, estudam, participam das Visitas e cuidam de Idosos ou doentes.

This post is also available in/Este conteúdo está disponível em Português: Español English

Suscríbete a nuestra

Newsletter